CET implanta ‘Operação
Carnaval’ na Vila Madalena

 

A CET  alterou temporariamente as regras de estacionamento na Vila Madalena devido ao Carnaval de Rua de 2019.

Segundo a companhia de tráfego, de segunda-feira passada até o primeiro domingo pós-Carnaval (10/03), o estacionamento está proibido em período integral nas seguintes ruas:

Wisard, entre as ruas Morás e Girassol;

Felipe de Alcaçova em toda a extensão;

Aspicuelta, entre as ruas Simão Álvares e Harmonia – manutenção da sinalização existente;

Inácio Pereira da Rocha, entre as ruas Simão Álvares e Fidalga;

Luís Murat, entre as ruas Fidalga e Girassol;

Simão Álvares, entre Praça Senador Lineu Prestes e Rua Cardeal Arcoverde;

Mourato Coelho, entre as ruas Cardeal Arcoverde e Wisard;

Luís Anhaia, em toda a extensão – manutenção da sinalização existente;

Fradique Coutinho, entre as ruas Wisard e Cardeal Arcoverde;

 Fidalga, entre as ruas Wisard e Inácio Pereira da Rocha;

 Belmiro Braga, em toda a extensão.

Regional voltará a fechar
ruas da Vila no Carnaval

 O novo prefeito regional de Pinheiros e Vila Madalena, João Grande (foto), afirmou à imprensa na manhã desta segunda-feira (11.02) que o quadrilátero festivo da Vila Madalena será fechado novamente neste Carnaval.
 
A colocação de barreiras para controlar a entrada do público na ZAE (Zona de Atenção Especial) ocorrerá, segundo ele, pelo menos nos quatro dias oficiais da folia.
 
Questionado sobre a polêmica da medida, Grande afirmou que neste caso “a segurança pública se impõe sobre o direito de ir e vir”.
 
“Mas estamos conversando com a CET para realizar um cadastro dos moradores e, desta vez, o acesso ao bairro ficará mais fácil”, prometeu.
Mapa da ZAE montada no Carnaval de 2018 na Vila. Ruas do interior da linha vermelha tiveram controle de entrada do público.

ENDEREÇO ALTERADO

Na tarde desta segunda-feira (11.02), a página “Diário de um Maconheiro” transferiu o chamamento do rolezão do próximo sábado (16.02). Em vez da Rua Aspicuelta, passou a chamar o “evento” para o Largo da Batata.

Página do Facebook
provoca caos na Vila

Novo “evento” está sendo convocado para o próximo sábado(16.02)

Uma convocação feita pela página do Facebook intitulada ‘Diário de um Maconheiro – Oficial’ provocou o caos na Vila Madalena na tarde de sábado (09.02).

Página chama novo rolezão para o dia 16

O responsável pela publicação, um auto-intitulado ‘artista’ chamado Chris Briza,  convocou os internautas para um “pré-carnaval” na Rua Aspicuelta, o  que trouxe milhares de jovens de todas as partes da cidade para o bairro.

O evento, fora de qualquer calendário oficial, na verdade tratou-se de uma espécie de “rolezão”, pois não tinha música nem qualquer tipo de animação carnavalesca.

O que se via na Aspicuelta e arredores era apenas uma aglomeração de jovens e ambulantes vendendo bebidas alcoólicas.

O trânsito naquela rua e imediações foi bloqueado pela multidão; lojistas fecharam suas portas.

Rapaz foi preso acusado de apedrejar viatura policial

Pego de surpresa, o poder público pouco fez: apenas no final da tarde a  Guarda Municipal conseguiu dispersar parcialmente a multidão com bombas de efeito moral, após uma viatura da corporação ter sido apedrejada por alguns jovens.

Um rapaz de cerca de 25 anos, acusado de atirar pedra no carro da polícia, foi preso e levado ao 14° Distrito.

Comerciantes do bairro, principalmente da Rua Aspicuelta e arredores, estão preocupados com a dimensão dos prejuízos que podem ter neste mês de Fevereiro se eventos desse tipo se repetirem nos fins de semana pré e pós carnaval.

A Página Diário de um Maconheiro já publicou nova convocação para a “segunda parte” do evento, para o próximo sábado (16.02), no mesmo local.

 

“Diário de um Maconheiro”
convoca festa em rua da Vila

Comerciantes e moradores da Vila Madalena estão preocupados com uma festa carnavalesca, mas ao estilo funk, marcada pela Internet para este sábado (09.02) para acontecer na Rua Aspicuelta.

Quem está promovendo o ato é uma página no Facebook intitulada “Diário de um Maconheiro”, provavelmente editada por um rapaz chamado Chris Briza..

Foto publicada como sendo de Chris Briza

Conhecido por organizar bailes funk de rua pela Internet (o último foi em Paraisópolis), Brisa está “convidando” as pessoas a levar caixas de som ao “evento”.

Temendo que o ato realmente se realize e bloqueie a Rua Aspicuelta, comerciantes estão procurando as autoridades para  tentar impedir essa “folia intempestiva e ilegal”.

De acordo com a página do Facebook, até a tarde desta sexta-feira (08.02) cerca de dez mil pessoas confirmaram a presença.

 

 

Vigilância Solidária contra
assaltos na Vila Madalena

Reuniões do Conseg ocorrem na primeira segunda-feira do mês

A Sociedade  Amigos da Vila Madalena (Savima) está coordenando um movimento para a implantação de um sistema de Vigilância Solidária no bairro.

Segundo o presidente da entidade, Cássio Calazans, “assaltos e furtos estão se tornando corriqueiros em nossa região”.

Na madrugada desta terça-feira (05.02), por exemplo, ladrões levaram cerca de 10 notebooks e dois televisores de um escritório da Vila.

Cássio afirmou que em breve será marcada uma reunião com o Secretaria Estadual de Segurança e com comerciantes e moradores para saber o procedimento correto a ser tomado.

Cássio Calazans

“Esse projeto é  inteligente e muitos bairros já o implantaram”, disse ele.

O presidente da Savima comentou ainda que paralelamente a isso é importante que comerciantes e moradores participem das reuniões do Conseg.

Elas ocorrem sempre na primeira segunda-feira do mês, às 19h, no auditório da Associação Comercial, à Rua Simão Álvares.